Como Construir uma Agência Digital?

Como Construir uma Agência de Marketing Digital

Hoje nós vamos responder à pergunta de um leitor lá do meu Facebook, que foi muito interessante.

Ele me perguntou: “Fabio, como eu começo uma agência de marketing digital?”

Se você tem a mesma dúvida ou quer umas dicas para o seu negócio, confira este artigo!

Como eu criaria uma agência se eu fosse começar agora?

Na minha opinião, existem alguns passos para isso, e o primeiro é ser uma “eugência”, aprender a administrar o tempo e fazer um trabalho de consultor até contratar o seu primeiro funcionário.

Descubra a sua habilidade única

O mercado, hoje, está realmente cheio de agências e pessoas que entendem e trabalham com aspectos diferentes do marketing, de maneiras distintas.

Quando a gente começou a Mestre, que ainda chamava Mestre SEO, há oito anos, nós identificamos que um dos maiores gaps que o mercado tinha era o próprio SEO.

Não que a gente não pudesse trabalhar com nenhum outro segmento, como design ou Adwords, na época, mas investir na melhor oportunidade possível era uma boa ideia.

Você é bom em planejamento? SEO? AdWords? B.I? Native Ads? O que você faz com frequência e sempre recebe elogios por isso?

Pergunte para os seus colegas com quem já trabalhou ou trabalha qual é a habilidade profissional que eles enxergam em você, pela qual se destaca e porquê.

Se você tiver amigos e colegas de trabalho realmente legais, eles vão te responder. Faça essa pergunta para pelo menos 10 pessoas diferentes, assim você conseguirá identificar um padrão de respostas e isso vai te dizer qual é o seu core.

Defina o seu custo/hora

É importante definir muito bem o seu custo/hora.

É legal fazer uma pesquisa de mercado para ter uma boa noção do quanto um profissional dessa ou daquela área custa. Web Analytics, por exemplo, custa por volta de 2.500 a sete mil reais.

Tudo vai depender do nível de experiência dele e no que ele irá trabalhar.

Existe um site que pode te ajudar com isso. O calculador conta com uma calculadora de valor de funcionário, que inclusive pode envolver benefícios além do salário bruto deste profissional, com uma expectativa de gastos com alimentação, saúde, transporte, entre outros. Adicione tudo para ter uma noção do quanto você mesmo custa.

Para poder cobrar, basta dividir o total pelas horas dedicadas em cada projeto.

Lembre-se sempre que, quando você estiver começando a construir uma agência sua, você tem que separar um tempo para trabalhar com seus clientes e outro para descobrir novos clientes.

Você não vai trabalhar 8 horas por dia na parte operacional. É provável que você passe 6 horas na operação direta e as outras 2 na aquisição de novos clientes. Todos esses fatores devem ser incluídos no seu próprio valor.

Procure fazer freelas

Busque alguns freelas para começar. Fique de olho nas redes sociais, em grupos da sua área para conseguir vagas e oportunidades para freelancers de diferentes segmentos.

Sempre tem alguém precisando de ajuda para algum trabalho!

Só não se esqueça que mesmo trabalhando por conta, é importantíssimo que você faça um contrato e atue da maneira mais profissional possível.

Você pode buscar alguns modelos prontos na internet e alterar apenas os seus dados e de seu contratante.

Isso é um meio de garantir os seus direitos e obrigações, e é essencial para quem quer ter sucesso como uma agência de Marketing Digital.

Essas dicas te ajudaram? Deixe sua opinião aqui nos comentários e nos diga sobre qual assunto você gostaria que o Fábio falasse em um próximo vídeo!

Para mais artigos, acompanhe o blog do Agência10x!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 comentários em “Como Construir uma Agência de Marketing Digital

  • Olá Fábio,tudo bem?

    Eu atuou há três anos de forma autônoma no mercado de marketing digital. Desenvolvo sites, campanhas de geração de leads e para um cliente específico faço toda estratégia de conteúdo, etc.

    Uma grande dúvida que tenho sobre cobrar meu serviço é o seguinte:

    Eu sempre informo meus clientes que meu serviço deve ser pago adiantado, então, se eu cobro fee mensal, o cliente paga o mês que eu trabalho e não um mês após como ocorre na telefonia, por exemplo.

    O problema é que alguns clientes se negam a pagar adiantado, alegando que por meu trabalho se tratar de prestação de serviço eu estaria infringindo a lei cobrando de forma antecipada. Eu explico para eles que tenho custos com criação de landing page, domínio, hospedagem e afins, mas alguns são irredutíveis, inclusive tive um entrave com um cliente que é advogado e não aceita de maneira alguma me pagar da forma como eu solicito.

    Estarei eu errado cobrando desta forma? Fico receoso de cobrar meu serviço e ser processado por “trabalhar em troca de dinheiro.”

    O post ficou excelente.

    Até a próxima.

    • Olá Alexander,

      Muito obrigado pelo seu comentário! O seu modelo é exatamente o que eu pratico e tenho uma solução adicional para você. Para casos como este que você citou, eu simplesmente mencionaria para a empresa/pessoa que este é o meu modelo de trabalho e se não tem interesse tudo bem. O modelo de pagamento quem escolhe é você e não o comprador.

      Resumindo: o cliente ideal é aquele que respeita os termos que você está colocando, paga em dia e contribui para o crescimento do seu negócio.

SAIBA COMO FAZER SUA AGÊNCIA DIGITAL VENDER MAIS
DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE GRATUITAMENTE