Lançamento de Infoprodutos — Modelos de Negócios para Agências + Expert

Lançamento de Infoprodutos — Modelos de Negócios para Agências + Expert

Cada vez mais, o lançamento de infoprodutos passa a ser uma necessidade para as agências digitais. Então, neste artigo, vou te dar um pouco mais de clareza sobre o que é preciso fazer para ter uma boa parceria com um expert. Aproveite! 

Na Mestre, a gente começou a considerar uma área de lançamentos desde 2014, época em que entrei no Master Minds do Erico Rocha. Foi nesse mesmo período que comecei a fazer alguns lançamentos para outras pessoas, ou seja, a investir no tráfego ou mídia para infoprodutores. 

Já em 2019, inauguramos o lançamento de infoprodutos como mais um serviço da Mestre, algo totalmente diferente da estratégia de negócios de um e-commerce. 

 

Modelo de negócios para agências digitais fazerem o lançamento de infoprodutos 

A primeira coisa a se pensar é: você quer ser uma agência, produtora digital ou sócio do expert? No meu modelo, nós somos prestadores de serviço. Sendo assim, eu não sou o dono do produto. Mas por que? A clareza que eu tenho é que eu nasci para prestar o serviço de lançamento e não para ensinar inglês ou culinária, por exemplo. 

Até existem empresas de cursos on-line que contratam infoprodutores e, então, ela é dona do produto. Se você quiser fazer isso, saiba que pode ter uma objeção com o expert. Isso porque ele dificilmente não vai querer perder o produto e, mesmo que queira vender, vai pedir uma grana alta. 

Com os papéis profissionais bem definidos e, você com consciência de que é um prestador de serviços, é hora de especificar o modelo de negócio. 

Parte financeira

Mas, afinal, qual o modelo financeiro de um serviço de lançamento de produtos? O primeiro ponto trata-se do faturamento. Ou, seja, você vai pegar o todo relativo ao lucro e tirar uma parte para pagar: 

  • impostos;
  • taxas da hotmart ou outra empresa para veicular os cursos;
  • investimentos (ferramenta de disparo de e-mails, anúncios na internet, produção de vídeos, etc.). 

Aplicação do valor percentual 

O que sobrar, então, é o que você vai dividir. Mas, como fazer isso? 

Quanto mais o expert tiver autoridade, com mais percentual ele fica. Do contrário, quanto mais esforço o infoprodutor necessita para crescer, mais percentual fica com a agência. 

Eu recomendo o modelo de percentual (50% para agência digital e 50% para o expert). A sacada é não fazer menos do que 50% para você. Afinal, mesmo que o infoprodutor tenha autoridade, é você quem tem o conhecimento técnico para criar um ativo que proporcionará lucro, mesmo depois que o seu contrato acabar. 

No mercado, também existe o percentual (80% ou 70% para agência e 20% ou 30% para o infoprodutor). Mas lembrando que tudo depende do tipo de contratante e investimentos necessários. 

Tempo de contrato

Já sobre o tempo de contrato, isso varia bastante de caso a caso. Mas eu digo que o ideal é fazê-lo com o prazo de um a dois anos. 24 meses é ainda melhor para você poder praticar as tarefas e ter o retorno no trabalho com o expert. 

Outros modelos de negócios

Dependendo do expert, ele também pode te oferecer o modelo de negócio com valor fixo. Essa situação é muito comum em empresas que já têm uma base de compradores de produtos digitais. O que eles procuram é mão de obra para aumentar o volume de conteúdos on-line. 

Outro modelo de negócio para lançamento de infoprodutos é o híbrido em que há o valor fixo + valor percentual, mas esse caso é mais raro. 

De qualquer forma, não se esqueça: coloque todas as informações e detalhes em contrato. Especifique e cobre todas as responsabilidades do expert para viabilizar o produto. Caso contrário, o retorno do seu esforço pode ser prejudicado. 

Vale lembrar que as agências de lançamento são uma das grandes promessas de negócios para 2020.

Beleza? 

Eu espero que você tenha gostado deste artigo. 

Aproveite para conhecer outras sacadas sobre empreendedorismo e gestão de agências digitais aqui no blog do Agência10x

Um forte abraço e até a próxima! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 comentários em “Lançamento de Infoprodutos — Modelos de Negócios para Agências + Expert

  • Prezado!
    Como é um mestre em lançamentos, como você mesmo disse, aprendiz de Érico Rocha, grande lançador.
    Gostaria de obter um modelo de contrato de Lançador para expert e qual percentual de distribuição do saldo líquido que aconselha.
    Se puder mandar para meu e-mail, ficaria agradecido.
    Erasto
    Manhuaçu/MG

  • Tenho um questionamento. Digamos que eu sou o expert e vou criar um infoproduto. Monto o curso, invisto muito dinheiro pra produzi-lo (audiovisual não é barato) e preciso de uma pessoa pra lançar. Ele quer 50% pra fazer isso, sendo que além de todo o investimento que fiz, ainda terei que colocar mais dinheiro para o tráfego. Ou seja. Eu terei que desembolsar a produção e o meu conhecimento, e em contrapartida, o “lançador” colocará apenas o conhecimento. Não acho justo.

    • Você pode negociar. Se não está disposto a entregar um percentual, pode oferecer um valor fixo mensal para que a pessoa (lançador) faça os serviços necessários.

      O que você precisa ter em mente é que existirão lançadores que querem percentuais, outros buscam percentual do sucesso do lançamento e outros preferem o valor fixo mensal.

SAIBA COMO FAZER SUA AGÊNCIA DIGITAL VENDER MAIS
DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE GRATUITAMENTE

CURSO AGÊNCIA10X:
Faça a sua pré-matrícula na
NOVA TURMA

Como anda a gestão e as vendas da sua agência digital? Você quer seguir do jeito atual e ficar estagnado/a ou prefere atingir um faturamento mais alto, com lucro de verdade?

Conheça o método que vai transformar a sua agência digital em uma Agência10x