Como Não Errar no Financeiro da Agência

Como Não Errar no Financeiro da Agência

Você tem uma agência digital? Então, preciso te lembrar que não dá para vacilar com as finanças. Caso contrário, os seus negócios estarão em grandes apuros. Para te ajudar, neste artigo, vou mostrar como não errar no financeiro da agência. 

Dá só uma olhada nas sacadas! 

Quais são as principais possibilidades de erro? 

Posso dizer que, no geral, há duas formas de errar no financeiro da agência. A primeira é por ignorância mesmo, ou seja, você não sabe (e não há nada de errado nisso, pois estamos sempre aprendendo). O segundo ponto é a negligência, você até sabe que aquilo não é o correto, mas insiste. 

Eu prefiro, mil vezes, errar por ignorância e aprender, do que vacilar por negligência. 

Então, a partir deste conteúdo, você “assinará um termo” de que, se continuar errando, será por descuido e não por desconhecimento. Beleza? Veja cinco situações que merecem muito cuidado:

1 . Reserva 

O primeiro ponto é que você não pode trabalhar com budget ou orçamento sem nenhum tipo de previsão. 

Ou seja, o melhor é fazer uma reserva, assim, dá para pagar tranquilamente: 13º salário + férias para os colaboradores registrados no regime da CLT (o que eu também indico). Fora isso, é muito comum precisar mandar algum funcionário embora. Caso isso aconteça, você vai precisar pagar a rescisão.

O certo, então, é fazer reserva ao longo do ano para não errar no financeiro da agência. 

2. Reservas de emergência 

Nesta parte ficam as economias para resolver problemas, como: alagamentos, computador quebrado, mudança de sala comercial e outras necessidades ligadas à infraestrutura e equipamentos. E aí você pode até me falar: “Ah, mas eu pago seguro”. Beleza, mas, dependendo do caso, é preciso ter a grana imediatamente. Não dá tempo de esperar um ressarcimento. 

Aliás, na história da Mestre, já tivemos alguns alagamentos. E eu precisei desembolsar o dinheiro para resolver o problema. 

Mas, afinal, o quanto de dinheiro é preciso guardar? Eu acredito que o que você pode fazer é olhar os seus ativos. Por exemplo, em caso de mudança, qual a média de custo necessária para levar os equipamentos para outro lugar? 

3. Nunca misture pessoal X negócios

Eu já cansei de ver donos de agências que fazem o caixa da empresa, a sua própria fonte de dinheiro pessoal. E o engraçado é que, quando eu montei a minha empresa, a própria contabilidade me falou: “Olha, o quanto mais você puder gastar de pessoal na empresa, é melhor”. Então, a  gente aprende do jeito errado mesmo. Mas lembre-se que misturar os gastos pode fazer você errar e ter muitos problemas. 

Vale destacar a atenção, principalmente, com o cartão de crédito (famoso demônio). Mas, por que, Ricotta? É que essa forma de pagamento mistura todas as despesas, ou seja, não ficam categorizadas. 

Os cuidados aqui também são muito atrelados a como você vai declarar os gastos. Além disso, pense: se você precisasse vender a sua empresa, isso seria fácil, mesmo ela apresentando um monte de custos pessoais? 

4. Busque contratos no pré-pago 

Se você recebe antes de trabalhar, isso é bom para o seu caixa. Mas lembre-se que, a pessoa que contrata o seu serviço, está fazendo um investimento. E aí você pode me falar: “Ah, Ricotta, mas ninguém vai querer fechar comigo”. Só que é melhor garantir a grana antecipada e não prejudicar o seu fluxo de caixa e, consequentemente, não errar no financeiro da agência. 

5. Converse com o seu contador 

Mas, afinal, o que é necessário conversar com o contador? Veja se você está realmente em um modelo de tributação correto (Simples Nacional, Lucro Real, Lucro Presumido). Quando tudo está correto, dá para economizar até uns 30 ou 40 mil reais anualmente, o que já é praticamente um aparte do fundo de reserva para o 13º salário. 

No geral, não se esqueça ainda de fazer um planejamento. O que você vai ter de lucros, despesas, as metas de gastos e faturamentos. Na Mestre, a gente corre atrás disso mensalmente. Caso contrário, fica muito mais fácil errar no financeiro da agência. 

Beleza? 

Espero que você consiga organizar a sua empresa ou, se ainda for freelancer, começar a construir os seus negócios. Tudo da melhor maneira. Não deixe de conferir mais conteúdos aqui no blog do Agência10x e de participar do meu grupo Agency Valley no Telegram!

Um forte abraço e até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SAIBA COMO FAZER SUA AGÊNCIA DIGITAL VENDER MAIS
DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE GRATUITAMENTE

WORKSHOP AGÊNCIA10X
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
INSCRIÇÕES ABERTAS
Inscrições abertas para o

Vem aí o Workshop Agência10x nos dias 06/02, 08/02 e 10/02

INSCREVA-SE E RECEBA ACESSO GRATUITO ÀS AULAS!